Profissão que nos remete ao imaginário literário ou televisivo, as habilidades do detetive na tv sempre nos encantaram com todas as suas aventuras e apetrechos incríveis. É claro que na vida real é um pouco diferente, porém ainda assim a profissão de detetive pode ser extremamente empolgante e promissora.

Alguma vez você já pensou em ser um detetive? Aposto que sim! Pensando em você separamos aqui algumas dicas para você se tornar um verdadeiro detetive, confira!

Profissionalização de investigador particular

Hoje a função de detetive particular é reconhecida por lei como uma profissão, o que torna possível que o profissional trabalhe em empresas especializadas em investigação particular ou trabalhe de forma autônoma como a grande maioria.

Com o reconhecimento da função como profissão surgiu um novo negócio a partir dos detetives, que são as escolas de investigador particular, que possuem como objetivo ensinar técnicas e conceitos que um bom detetive deve ter. É possível encontrar essas escolas profissionalizantes em todo o Brasil, já que é um excelente começo para quem deseja ingressar na área.

O investigador é discreto, quase invisível!

Esse é um ponto bem importante, já que a discrição é um ponto chave para o sucesso de uma investigação. Os detetives não podem chamar muita atenção para si e devem realizar todo o trabalho sem que sejam descobertos.

Curiosidade, atenção e inteligência

Os detetives têm como principal característica o fato de enxergarem de forma diferente dos demais. É importante que você seja uma pessoa atenta aos detalhes, que tenha a curiosidade aguçada e que tenha um rápido raciocínio. Todas essas habilidades ajudarão no desenvolvimento dos casos.

Paciência

Esse é um pré-requisito básico, já que muitas situações podem levar uma pessoa sem paciência ao extremo nessa profissão. Ao iniciar sua jornada não pense que vai chover trabalho para você, por que não vai!

No início você precisa se concentrar em conseguir o primeiro caso e a partir desse você começa um trabalho de “construção” do seu nome no mercado. Isso porque as pessoas que buscam esse tipo de serviço querem saber a taxa de sucesso dos detetives, até mesmo para evitar o investimento no profissional errado.

Outro momento que pode exigir muito da paciência do detetive é a demora na resolução de alguns casos, o que pode acontecer com profissionais iniciante ou até mesmo os mais experientes, já que nenhum caso é igual a outro.

Gostar do que faz

Se você quer iniciar na profissão porque pensa em viver as aventuras de Sherlock é melhor nem iniciar. Você precisa realmente conhecer a fundo sobre o dia-a-dia dos profissionais para ter certeza que é realmente o que você quer.

A profissão de detetive pode ser extremamente lucrativa após algum tempo, o que faz muitos optarem por trabalhar de forma autônoma. Se você quer ser um detetive, observe se você possui todas as características citadas, se sim, parabéns!

É hora de correr atrás do seu sonho e começar a preparação para se tornar um detetive de sucesso!