O transporte individual é uma opção cada vez mais comum para mobilidade pessoal e familiar, principalmente nas grandes cidades, fazendo com que serviço de valet e estacionamento seja cada vez mais demandados pelo público.

O serviço de valet proporciona maior facilidade, conforto e segurança para o consumidor, podendo influenciar a decisão dele sobre a escolha do estabelecimento ou não. Saiba a seguir do que se trata esse serviço e como ele pode ser implementado no negócio.

O que é o serviço de valet?

O serviço de valet consiste em disponibilizar manobristas para estacionar o carro para os clientes em um estabelecimento, evento ou festa. Nesse modelo, o consumidor chega na recepção do local, entrega as chaves do  automóvel para um manobrista que levará o veículo até o estacionamento.

No momento da saída, o tíquete do serviço pode ser pago conjuntamente com a conta do estabelecimento — ou a parte — e o carro é entregue para o cliente já na saída do local, sem que ele precise deslocar-se para buscá-lo, aumentando a comodidade.

O serviço é prestado por empresas especializadas e a equipe é composta por profissionais qualificados, que sejam bons motoristas, confiáveis e uniformizados para transmitir mais segurança.

Quais são as regras para implementar essa solução?

Muitos estabelecimentos adotam o serviço de valet sem atentarem-se às normas estipuladas para esse tipo de serviço. Entretanto, como outros serviços que envolvem guardar propriedade de terceiros, há uma legislação que regulamenta o funcionamento da prática.

De acordo com o Supremo Tribunal Federal, os danos ou sinistros provocados ao veículo durante o serviço de valet são responsabilidade da empresa prestadora. Dessa forma, além do cuidado com o veículo do cliente, a empresa deve atentar-se às seguintes regras:

  • O cliente deve ser informado previamente sobre o valor do serviço, o endereço do estacionamento que o carro será guardado e o valor do seguro;
  • É proibido o serviço de valet estacionar o veículo em vias públicas;
  • O estabelecimento deve entregar ao cliente UM recibo ao devolver o automóvel, sendo necessário que estejam presentes informações como o CNPJ da empresa, o horário de recebimento do veículo, a placa e o endereço do estacionamento.

Constata-se, portanto, que o serviço de valet deve ser bem planejado e executado pela empresa para que possa ser rentável, satisfazer os clientes e promover segurança, atendendo corretamente as exigências legais.

Vale a pena oferecer o serviço de valet?

Após essas considerações, o empresário pode questionar-se se é benéfico oferecer ou não o serviço de valet. A implementação da solução vale a pena quando realizada corretamente, com parceria com um estacionamento ou quando é oferecida pelo próprio estacionamento, como no caso de shoppings.

Para estabelecimentos comerciais, como restaurantes, bares etc., o investimento pode atrair mais clientes, principalmente se o estacionamento não ficar tão próximo do local.

Antes de ser implementado, o serviço de valet deve ser adequadamente avaliado, analisando se esse investimento consistirá em um diferencial valorizado pelo cliente e com a segurança necessária para que não gere prejuízos para o negócio.